terça-feira, 12 de agosto de 2014

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 728

Arte de capa por Ron Garney

Capa alternativa por Ed McGuinness
 - Ultimate Captain America n° 1 (Março de 2011)

* "Ultimate Captain America - Part 1", história escrita por Jason Aaron, desenhada por Ron Garney, colorizada por Jason Keith, editada originalmente por Mark Paniccia

Publicada no Brasil, pela Editora Panini, na revista Ultimate Marvel - Capitão América n° 1 ("Ultimate Capitão América - Parte 1"), letreirizada por Marcos Valério, traduzida por Mario Luiz C. Barroso, editada por Rogerio Saladino

Coréia do Norte.

Apesar de a missão ser secreta, o Capitão América decide entrar no laboratório do inimigo trajando seu vistoso uniforme. Quanto a isso, ele é censurado pelo comandante da primeira equipe. Já o Capitão, sozinho, é a segunda equipe. Apesar de ser facilmente localizado, a entrada do herói, que não desperdiça nem um tiro, é eficiente. Em outro local, a comandante Carol Danvers pede para os demais agentes passarem a comunicação com o "supersoldado".

Os agentes ameaçam os cientistas sobre o segredo daquela missão. Recentemente, descobriram que estão produzindo uma variação do soro do supersoldado, desobedecendo às restrições da ONU. Mas, ao que parece, os agentes chegaram tarde. Logo abaixo, um homem com o rosto coberto parece ter assassinado o voluntário para o teste do soro. Para não deixar nenhum resquício do experimento, o mascarado coloca fogo no corpo do voluntário morto.

O Capitão América persegue o mascarado e deixa o corpo em chamas para que os agentes cuidem dele e consigam o máximo possível de amostras de sangue. Ao chegar ao alto do prédio, o Capitão América é surpreendido com um chute em seu rosto. O mascarado parece conhecer seu nome. Seu verdadeiro nome. Steve Rogers. Ele desafia o herói, que parte com fúria pra cima dele... e é golpeado novamente. O mascarado culpa o Capitão pelo que aconteceu com ele. Durante a luta, ele consegue retirar o escudo do herói. A força do mascarado é descomunal e ele quase esmaga o braço do Capitão.

Com o fim da luta, onde o Capitão América geme ao chão, o mascarado se afasta em direção a um helicóptero que veio pegá-lo. O Capitão só tem tempo de pegar seu escudo novamente e lançá-lo contra a hélice, derrubando o transporte. Para o azar do herói, o seu inimigo volta ainda mais furioso.

Na base secreta, Carol Danvers e Clint Barton observam o Capitão América ser massacrado. Carol reconhece o mascarado: trata-se de Frank Simpson, que tem o mesmo soro do supersoldado nas veias e foi declarado desaparecido em combate décadas atrás. De certa forma, assim como Steve Rogers é o Capitão América da Segunda Guerra Mundial... Simpson pode ser considerado uma espécie de Capitão América... da Guerra do Vietnã.

Antes de partir, Frank retira sua máscara e revela a bandeira dos Estados Unidos estampada em seu rosto. Assim que desaparece, os agentes chegam até o telhado... apenas para encontrar o Capitão América desacordado.

Continua...

Nenhum comentário: