quarta-feira, 4 de setembro de 2013

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 476

- Captain America 435 (Janeiro de 1995)
Publicada no Brasil, pela Editora Abril, na revista Capitão América 214 ("Peçonhas")

* "Snake, Battle and Toll" - Escrita por Mark Gruenwald, desenhada por Dave Hoover e artefinalizada por Danny Bulanadi

O treinamento da Redentora, feita pelo Capitão América no castelo do Barão Zemo, terminou. Pelo menos, ele constatou que bom caráter essa nova heroína tem. Moonhunter conhece Redentora e até achava que ela era Cascavel. Checando sua linha direta, o Capitão descobre que a Irmandade da Serpente está agindo no Arizona. Como não tira Rachel da cabeça, ele até imagina que ela possa ter voltado para seu antigo grupo. Próxima parada: Arizona.

Chegando próximo ao local onde a Irmandade da Serpente foi vista, o herói prefere que Redentora fique no quinjet dos vingadores. Ele sabe que não deveria se esforçar tanto correndo até os vilões, mas também prefere chegar discretamente. Ao chegar na cerca que circunda a propriedade, percebe que ela está cortada, como se alguém já tivesse invadido o local. Isso facilita sua entrada. No entanto, assim que pisa na propriedade... é atacado pelo Rei Cobra. Mas há algo estranho. O vilão sussurra que eles devem continuar fingindo lutar e que não é o mesmo Rei Cobra, mas alguém que se infiltrou no grupo para vingar seus pais. Inclusive, foi ele quem mandou a mensagem para a linha direta. A simulação de que o Capitão está perdendo para o Rei Cobra parece real demais. Real porque o próprio Capitão está poupando seu organismo de esforço. O restante da Irmandade chega e prende o herói. Eles o levam para o verdadeiro Rei Cobra, que está acompanhado do vilão Mister Hyde (seu antigo parceiro). Desconfiado de que não se trata do verdadeiro Capitão, pois nunca o viu com aquele colete, o vilão decide interrogá-lo... antes de acabar de vez com ele.

Cobra e Mister Hyde torturam o Capitão para que ele revele como encontrou o covil do grupo. Ele levanta a hipótese de que Cascavel é a responsável. Cobra decide, então, terminar logo com seu inimigo. A execução é interrompida pela chegada de Guizo, da própria Irmandade, que parece ter se voltado contra seus colegas. O novo Rei Cobra, aproveitando a confusão, também decide atacar, revelando que está contra os vilões. Cobra abre um duto no fundo da piscina onde o Capitão era torturado, provocando um redemoinho violento que o suga para o fundo.

Continua...


Nenhum comentário: