terça-feira, 7 de maio de 2013

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 369


 - Captain America 362 (Novembro de 1989)
> Publicada no Brasil na revista Capitão América 168 ("A Jóia do Desespero - parte 2")

História: 

* "Necromancing the Stone" - Escrita por Mark Gruenwald e Kieron Dwyer, desenhada por Kieron Dwyer, artefinalizado por Danny Bulanadi

No Egito, o Coronel Jameson consegue acelerar a nave o suficiente para tirar Capitão América e Cascavel da mira da nave de Zemo. Porém, no meio da confusão, o Capitão perde a bloodstone que resgatou das tumbas. Com isso, o grupo de Zemo está empatado com o número de pedras que o grupo do Capitão tem.

Os vilões seguem para Tóquio, onde se desconfia estar o quinto e último fragmento. O local difere dos demais, mas é então que o grupo percebe um padrão da localização das pedras. As anteriores estavam em um covil sacrificial nos subterrâneos de Manhattan, em uma tribo inca que utilizava a Roda de Sacrifício, em um jato afundado em Bermudas e em um túmulo de um faraó egípcio. Ou seja, locais que remetem a morte. Em Tóquio, apesar de aparentemente ser diferente do padrão, a pedra está em poder de uma seita que se reúne em um restaurante. O guru da seita, vendo seu local ser invadido, engole a pedra. Mas Machete, usando suas lâminas, consegue recuperá-la...

Quando os vilões saem do restaurante, topam com o Capitão América, que tenta recuperar o fragmento. Ao invés de entregarem a pedra, a Brigada Batroc entrega o comunicador onde Zemo marca um encontro em um vulcão com o Capitão, negociar sobre as outras partes.

Duas horas depois, na cratera do vulcão inativo, a nave do Capitão pousa e ele se encontra com Zemo. O vilão não revela o porquê está à procura das pedras e ameaça explodir um quarteirão de Tóquio. Quando o Capitão volta para a nave, o coronel Jameson está desacordado e suas pedras sumiram. O herói acusa Zemo de ter trapaceado... mas o vilão também o acusa de estar se valendo de algum truque, pois não roubou as outras partes.

A nave de Zemo é rasgada ao meio com um feixe de energia e de dentro dele aparece... o primeiro Barão Zemo, pai do vilão atual. Ele carrega a pedra Bloodstone inteira em sua testa e parece estar possuído, dizendo ser a criatura infernal conhecida como Helix. Zemo (filho) está totalmente descontrolado, pedindo que seu pai aja normalmente, mas a criatura diz que usou o corpo no avião (e esse era o motivo de Zemo recuperar os fragmentos) para poder se locomover.

O Capitão tenta atacar Zemo (pai), mas ele e seu filho revidam. Porém, em dado momento, o herói lança seu escudo e também percebe uma flecha atirada de dentro da nave de Zemo. A criatura é destruída e o corpo moribundo cai em um profundo abismo. Zemo (filho), enlouquecido, mesmo sendo ajudado pelo Capitão, prefere se soltar e seguir seu pai, em uma queda suicida.

O herói segue para a nave destruída de Zemo, atrás de Cascavel (que a invadiu para roubar as outras pedras). Porém, misteriosamente, não a encontra. Esse mistério talvez esteja ligado a outro: quem atirou a flecha que destruiu a criatura infernal?

Continua...
A+:

* O título original desta história é uma homenagem ao filme Tudo Por Uma Esmeralda (Romancing the Stone, no original), dirigido por Robert Zemeckis, em 1984, e estrelado por Michael Douglas, Kathleen Turner e Danny DeVito. O filme tem o mesmo tom aventuresco que essa saga do Capitão. Trailer.

Nenhum comentário: