quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 257


 - Captain America 275 (Novembro de 1982)
> Publicada no Brasil na revista Capitão América nº 71, pela Editora Abril ("Passado Maldito")

História: 

* "Yesterday's Shadows" - Escrita por J. M. DeMatteis, desenhada por Mike Zeck, artefinalizada por John Beatty

A crescente tensão propagada por grupos antissemitas tem ameaçado a vizinhança onde vive Steve Rogers. E, apesar de ter fortes motivos para se sentir incomodado (uma vez que viu muito disso de perto, durante a Segunda Guerra), pessoas próximas a ele se sentem ainda mais ameaçadas, como é o caso de Anna, sua vizinha, e Bernie, sua namorada, ambas judias.

Para protestar contra o avanço desses grupos, há uma grande reunião de judeus das imediações, feita em campo aberto. Apesar de convidado por Anna e Bernie, Steve fica um tanto relutante em comparecer. Segundo seus padrões (inclusive como herói) deve-se lutar pela liberdade em qualquer forma, inclusive a de expressão. E, verdade seja dita, os grupos antissemitas protestavam e demonstravam seu ponto de vista... sem violência. Não que concordasse com eles, mas prezava o direito que todos tem de expressar seus pontos de vista... sejam eles certos ou não. Por fim, Steve acaba decidindo comparecer, depois que presencia um de seus clientes, ao qual foi entregar um de seus trabalhos artísticos, chamar um contato de “maldito judeu”. A falta de respeito faz, inclusive, com que rasgue o trabalho na frente de seu cliente.

No dia da reunião, Steve Rogers tem uma grande surpresa. Um dos organizadores não só demonstra conhecer Bernie... como diz ser o ex-marido dela (algo inédito, pois os outros vizinhos, que também compareceram, se mostram igualmente surpresos). A situação se complica quando o grupo antissemita invade o palco e prega contra a permanência de negros e judeus em terras americanas. Mas os problemas realmente começam quando o ex-marido de Bernie retruca contra o grupo e os outros presentes começam a atirar coisas neles. A confusão generalizada está armada. Para tentar acalmar os ânimos e algo pior aconteça, Steve consegue escapar e se vestir de Capitão América, sobe ao palco, dá um sermão sobre intolerância, em ambos os grupos, e derruba os dois "líderes" de seu "pedestal".

Bernie presencia o discurso do Capitão e percebe algo muito familiar. É então que ela consegue desvendar que o Capitão América... é, na verdade, Steve Rogers!

Continua...

3 comentários:

Anônimo disse...

OMG a Bernie descobriu?!!!! Q mulher esperta! <3

O cara é mesmo ex-marido dela?

Beijos
Jovie

(é eu sei, eu deveia focar na questão de liberdade de expressão e antissemitas)

Marcos Dark disse...

Hahaha... Não, Jovie. Fique à vontade. Pois esse post eu escrevi já pensando na sua reação.

Anônimo disse...

DM, eu acho q a minha respota não foi, a hora q eu cliquei enviar a janela aqui fechou, então estou enviando OUTRA vez :)

------
Aww Marcos que honra <3, obrigada!!!

E fique tranquilo, aqui eu tive uma reação bem mais animada quando eu li.

Beijos
Jovie