terça-feira, 1 de janeiro de 2013

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 249

 - Captain America 265 (Janeiro de 1982)
> Publicada no Brasil na revista Capitão América nº 49, pela Editora Abril ("A Teia da Morte")


História:

* "Thunderhead" - Escrita por David Anthony Kraft, desenhada por Mike Zeck, artefinalizada por John Beatty

Saindo do metrô, o fotógrafo Peter Parker testemunha uma agressão prestes a se consumar. Uma gangue cerca um homem de paletó que, aparentemente, estava apenas voltando para casa após um dia duro de trabalho. O primeiro pensamento de Peter é vestir seu uniforme e assumir a identidade de Homem-Aranha para salvá-lo. Porém, mais rápido do que seus reflexos, Peter fica surpreso com a reação do homem e como ele dá conta de todos os agressores. Com instinto jornalístico, Peter fotografa a incrível luta, mas o homem pede o filme de sua máquina, pois não quer ser exposto. Peter entrega o filme, mas há algo de estranho naquele sujeito.

Seguindo-o, já como Homem-Aranha, ele vê o homem utilizar um telefone público e simplesmente sumir diante de um forte brilho. Aparentemente, nem mesmo o homem esperava por isso. Antes que suma, o Homem-Aranha consegue lançar um rastreador em seu paletó. No mesmo local, o herói é capturado por dois homens com um uniforme especial que aumenta a força de quem usa. Mesmo sendo arrastado para um beco, o Homem-Aranha consegue derrotar seus sequestradores e percebe que a parede logo atrás dele esconde um entrada secreta. Atira um dos sequestradores contra a parede e ele a atravessa. Trata-se de uma imagem holográfica. O herói é praticamente arrastado para dentro do esconderijo e descobre que ali é uma base da SHIELD, pois é recepcionado por Nick Fury.

Fury explica que o homem que o Aranha seguia era ninguém menos que o Capitão América. Na verdade, ele foi sequestrado por um vilão conhecido como Sultão, que já foi o mais importante cientista da SHIELD, tendo criado as maravilhas tecnológicas da agência, mas enlouqueceu e agora ameaça não só seus antigos empregadores como o mundo.

O Capitão América acorda na base de Sultão e luta contra seus robôs, sendo derrotado. O vilão explica seu rancor contra a SHIELD e que sua vingança virá na forma de ogivas nucleares que ele mesmo criou.

Graças ao rastreador seu rastreador, Homem-Aranha e Nick Fury seguem a pista até a Ilha Trovão, onde provavelmente Sultão está escondido. No meio do caminho são capturados por mais robôs do vilão e levados até o Capitão América. Combinando forças, os heróis conseguem se livrar e destruir cada um dos robôs. Sultão inicia o lançamento de uma das ogivas. Nick Fury consegue se agarrar a ela e fica surpreso com o que vê do alto.

Como os robôs estão em vantagem numérica, Capitão América e Aranha decidem sair da ilha, através de sua grande abertura que mais parece uma cratera. Quando o Aranha se lança para fora, levando o Capitão, percebe que cometeu um erro fatal. Toda a ilha tem retrofoguetes e está voando. Agora os heróis estão cainda de uma altura de oito mil metros.

Continua...
A+:

* Apesar de, nessa época, a Editora Abril não publicar as histórias da Marvel na ordem cronológica correta, esta aventura foi publicada em razão do Homem-Aranha estar estreando na editora no mesmo mês.

* Na página de abertura dessa história, em um dos edifícios do cenário, é possível ver o cartaz do filme Touro Indomável, que foi dirigido, em 1980, por Martin Scorcese e estrelado por Robert DeNiro. Para ver o trailer: http://www.youtube.com/watch?v=1NIPI2T3Itk

* O nome do vilão, no original, refere-se a uma sigla. SULTAN significa Systematic Ultimate Lawless Takeover of All Nations que, traduzido literalmente, é algo como Sistema Ilegal Definitivo para Assumir o Controle de Todas as Nações.

Nenhum comentário: