domingo, 4 de novembro de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 193

 - Captain America and the Falcon 191 (Novembro de 1975)
> Publicada no Brasil na revista Capitão América nº 14, pela Editora Bloch ("O Julgamento do Falcão")


História:

* "The Trial of the Falcon" - Escrita por Tony Isabella e Bill Mantlo, desenhada por Frank Robbins, artefinalizada por D. Bruce Berry

Apesar do Falcão já ter provado que sua vida criminosa ficou no passado, o agente da SHIELD Jeff Cochren insiste em mantê-lo preso, algo com o qual discordam os também agentes Gabe Jones e Peggy Carter. Diante desse conflito, o próprio Falcão tenta fugir da agência de espionagem, causando confusão entre os presentes. É quando chega o diretor do local, Nick Fury, pedindo satisfações de Cochren quanto ao que estava ocorrendo. De qualquer forma, Falcão concorda que é melhor enfrentar um julgamento... por mais pessimista que lhe pareça o resultado.

O julgamento do herói é noticiado pela mídia e ele recebe apoio até mesmo dos Vingadores, representados pelo Homem de Ferro. Porém, o "outro lado" também vê que o ex-criminoso agora se tornou um super-herói de bem e, com isso, seria capaz de entregar alguns nomes e segredos do submundo. Para matá-lo, seus supostos ex-companheiros de crime contratam o vilão Metalóide, que é dotado de uma armadura com pernas hidráulicas que aumentam conforme seu controle.

Quando o Falcão está prestes a entregar alguns nomes de criminosos em seu próprio julgamento, Metalóide invade o local. Capitão América e Falcão, no entanto, conseguem derrubá-lo (literalmente). O final do julgamento chega e o juiz dá o veredito quanto ao passado criminoso do Falcão: ele é culpado! Porém, ao mesmo tempo, o mesmo juiz suspende a pena, devido a redenção como herói, e o deixa sob a responsabilidade de Nick Fury (que, ao que tudo indica, "mexeu uns pauzinhos" para que acontecesse esse final).

A+:

* Apesar de ser um vilão muito peculiar no Universo Marvel, o Metalóide não é lá um personagem muito respeitado pelos demais. Afinal, ele apenas tem uma armadura pouquíssimo discreta e que tem, como principal característica, aumentar as próprias pernas. Nessa história, ele ainda consegue roubar a arma do vilão conhecido como Ardiloso, outro que não pertence exatamente a primeira divisão da vilania. Para terminar a humilhação, uma curiosidade: a edição da Bloch dá um nome ainda mais bizarro para o personagem, chamando-o de... Perna de Pau!

4 comentários:

Anônimo disse...

Olá!!!!!!!

"Falcão concorda que é melhor enfrentar um julgamento... por mais pessimista que lhe pareça o resultado" tadinho do Sam, não merecia isso.

"(...) e o deixa sob a responsabilidade de Nick Fury" Isso não é liberdade. ÒÓ

Não me importa a razão, o Cap atacando o Sam nessa última imagem é super triste (e errado).
Quando eles voltarão a ser parceiros como antes??

Beijos
Jovie

Dark Marcos disse...

Quando vão voltar com a parceria? Agora! Pode comemorar!

Major Desastre disse...

Com tanto vilâo por aí, mandam logo o Metalóide...

Dark Marcos disse...

Pois é... Tava mal de vilão na época...