terça-feira, 16 de outubro de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 174

 - Captain America and The Falcon 174 (Junho de 1974)
> Publicada no Brasil na revista Almanaque do Capitão América nº 39, pela Editora Abril ("O Último Tentáculo - Parte 2")


História:

* "It's Always Darkest" - Escrita por Steve Englehart, desenhada por Sal Buscema, artefinalizada por Vince Colletta

Dentro do esconderijo subterrâneo do Império Secreto, Capitão América e Falcão são levados para um dormitório fechado. Desconfiado, o Falcão se agita e faz com que seu parceiro arranque a tela de proteção do tubo de ventilação. Quando ambos ali se abrigam, o quarto é atravessado por várias rajadas de laser, que podia tê-los feito em pedaços. Quando os homens do Império entram na sala para recolher os corpos... nada encontram. Dentre os criminosos, está o executivo das Indústrias Brand ao qual o Capitão América entregou uma mensagem dizendo que estavam em missão. A dupla foi vítima de traição.

Ainda dentro do complexo, os heróis lutam contra um enorme robô. Falcão tem outro "pressentimento" que o faz abrir uma porta... por onde entram o Professor Charles Xavier e seus X-Men. Esses pressentimentos do Falcão, inclusive, eram dicas mentais de Xavier, que os guiava contra armadilhas.

O grupo de heróis encontra uma sala onde vários mutantes estão desacordados e suas mentes estão fornecendo energia para uma nave. Esse é o segredo da caçada aos mutantes patrocinada pelo Império Secreto. Ao tentarem libertar seus colegas (e alguns vilões mutantes também estão ali), são rechaçados por uma arma que dispara raios, sendo presos pelos criminosos.

Continua...

A+:

* Na tradução para a edição brasileira, o Professor Xavier faz um certo suspense do porque escolheu o Falcão para emitir suas mensagens telepáticas, que acabaram por livrá-lo, juntamente com o Capitão América, das armadilhas. Porém, no original, essa explicação vai um pouco mais além: Xavier diz que Sam Wilson demonstrou ser mais suscetível a esse tipo mensagens, algo que ele já demonstrava ao se comunicar mentalmente com seu mascote, Asa Vermelha. Ou seja, a relação entre os dois estava um pouco mais além do que mera obediência. O suspense, nesse caso, mantido por Xavier, está na dúvida do Falcão ser potencialmente... um mutante.

2 comentários:

Anônimo disse...

Olá!

"A dupla foi vítima de traição." Ah Marcos, vc está sendo gentil com a dupla. Eles foram derrotados pela própria estudipez!

"eram dicas mentais de Xavier, que os guiava contra armadilhas" Espero q tenham agradecido Charles, sem ele os dois teriam morrido.

Sam é um mutante??!!!!!

J.

Dark Marcos disse...

Não exatamente. Mas Xavier dá a entender que sim, para os leitores ficarem no suspense.