sexta-feira, 3 de agosto de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 113

- Captain America 120 (Dezembro de 1969)
> Publicada no Brasil na revista Capitão América nº 6, pela Editora Abril ("Destino Incerto")


História:

* "Crack-Up On Campus" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Gene Colan, artefinalizada por Joe Sinnott

Uma aventura simples e ao mesmo tempo para lá de bizarra.

Capitão América procura a SHIELD para saber o paradeiro de sua amada Sharon Carter e, como de costume, a agente está em alguma missão. Nick Fury, o diretor da SHIELD, apresenta uma espécie de cadeira que manipula o inconsciente de quem a usa. A desculpa é que a mesma pode trazer algumas respostas ao Capitão América. Na verdade, no incosciente do herói é inserido o classificado de um emprego em uma universidade. Porém, por mais estranho que pareça, as intenções de Nick Fury é enviar o herói para uma missão... e fazer com que ele esqueça a agente Sharon Carter por enquanto.

Capitão América atende ao classificado de emprego de professor de ginástica da instituição e se apresenta como Roger Steves (sua identidade secreta, Steve Rogers, ao contrário). O campus passa por uma turbulenta manisfetação de estudantes que tem muito mais do que aparenta. Na verdade, entre os alunos há agentes da IMA, enviados por Modok para sequestrar um professor que é gênio em cálculos, principalmente referentes a energia nuclear.

Desbaratando o plano dos vilões e agindo como Capitão América, o herói consegue impedir o sequestro. Porém, terminada a "missão", se despede de seu recém-conquistado emprego.

2 comentários:

Anônimo disse...

Olá!!!!

"as intenções de Nick Fury é enviar o herói para uma missão... e fazer com que ele esqueça a agente Sharon Carter por enquanto." Por enquanto? Sei...é a segunda vez que ele fica no caminho desses dois. E Nick só precisava *enviar* o Cap, aposto que ele iria mesmo sem a manipulação.

Professor de ginástica? Lembra da época que ele ficou desempregado? Olha aí uma das opções que ele tinha(e eu querendo que ele virasse modelo, lol)!Se bem que, Steven de professor...hum...pobre das alunas e professoras do lugar ;)

Que legal, os agentes da IMA mudaram a cor do uniforme. Está beeeeem mais discreto que aquele amarelo. Contudo, as botas rosas não te fazem pensar 'nossa que ameaça'. Mas eu gostei mesmo assim!

Beijos
Jovie

Dark Marcos disse...

Bom... com certeza a idéia desse uniforme da IMA veio do cabeçudo do Modok...
Mas o amarelão clássico ainda iria voltar e ficar por muito tempo.