terça-feira, 31 de julho de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 110

 - Captain America 117 (Setembro de 1969)
> Publicada no Brasil na revista A Maior nº 1, pela Editora Ebal ("A Chegada do FAlcão")


História:

* "The Coming of... the Falcon" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Gene Colan, artefinalizada por Joe Sinnott

Com o poder do Cubo Cósmico, o Caveira Vermelha joga o Capitão América em uma ilha habitada por seus antigos asseclas, conhecidos como Os Exilados. Ainda no corpo do Caveira, o Capitão é atacado pelos vilões, que pensam se tratar de seu antigo, porém traidor, líder.

Enquanto o herói tenta escapar dos Exilados, esses são atacados por um estranho e selvagem falcão que surge do meio das selvas. Capitão América modifica um pouco seu rosto de Caveira Vermelha com argila e segue onde o falcão está se escondendo. Surpreendentemente, encontra um homem que parece comandar o animal. Trata-se de um treinador de falcões que foi atraído pelos Exilados para a ilha e ficou preso, defendendo os nativos dos vilões.

O Capitão América, vendo no treinador do falcão um aliado, sugere que ele use um uniforme e passe carregar um nome forte, de super-herói, para intimidar os Exilados. Dessa forma, o herói ganha um novo aliado na figura do... Falcão.

Continua...


A+:

* Para se livrar da aparência do Caveira, o Capitão América lembra de algo que até mesmo os leitores não notaram. O Caveira Vermelha não é, literalmente, uma caveira. Ele usa uma máscara de Caveira... vermelha. Retirando a máscara, o herói tem a chance de escapar dos Exilados. Porém, aqui é utilizado o velho recurso do mistério: ninguém sabe como é o rosto do vilão por trás da máscara.

* O Falcão é o primeiro super-heróis afro-americano nos quadrinhos. Juntamente com seu característico falcão (o pássaro, digo), conhecido como Asa Vermelha, se tornaria um dos mais importantes coadjuvantes do universo Marvel.
 

4 comentários:

Anônimo disse...

Olá!!!!

Falcão! Por causa do 2º filme do Cap, eu li sobre ele. Que legal, essa foi sua primeira aparição!

Então o Blade do início dos anos 70 foi o 2º herói afro-americano? Nossa, demorou um tempão para isso acontecer né? Quando todo mundo estava comentando sobre o Falcão, apareceu umas imagens da versão ultimate, e ele está super f*das nelas!

E qual é o problema com a falta de nomes? O Cap encontrou esse homem na ilha e cadê o nome dele?

"Porém, aqui é utilizado o velho recurso do mistério: ninguém sabe como é o rosto do vilão por trás da máscara."
Ah, agora eu também quero ver a verdadeira face dele!!!!

Beijos
Jovie

Dark Marcos disse...

Pode-se dizer que o surgimento de heróis negros no final da década de 60 ainda era algo ousado. Ou até mesmo tabu. Os quadrinhos, principalmente da Marvel, meio que pegaram carona naquela época conturbada, navegando pela contracultura, para mostrar esse tema. Causou discreta polêmica, mas causou.

Anônimo disse...

Acho que era Tabu mesmo. O Luther King tinha feito aquele discurso famoso do "I have a dream..." não muitos anos antes né?
O amigo do Tony Stark, o Coronel James Rhodes surgiu mais tarde, ou nessa época?

Beijos
J.

Dark Marcos disse...

Não. O Rhodes iria surgir quase uma década depois, em uma época em que ser black era moda.