terça-feira, 8 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 19

 - All-Winners Comics (Dezembro de 1946)
> Publicada no Brasil na revista O Guri nº 182 ("A Ameaça do Futuro")

História:

* "Menace From the Future World" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Al Avison, artefinalizada por Jack Kirby (que assina como Charles Nicholas)

* "The Green Plaghe" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por Syd Shores

* "Muder In Slow Motion" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por George Klein

* "Wave of Destrucion" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Al Avison, artefinalizada por Vince Alascia

* "Holiday For Murder" - Desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por Al Avison

* "The Living Dead" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Jack Kirby (assinando como Charles Nicholas), artefinalizada por Syd Shores

* "Flames of Fury" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Syd Shores, artefinalizada por Al Gabriele

* "War Between the Worlds" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por Al Avison


Perseguindo uma vilã conhecida como Madame Morte, Capitão América e Bucky descobrem que ela se aliou a um poderoso novo inimigo: o Homem do Futuro, que traz tecnologia de um tempo futuro para dominar a Terra.

Diante de tamanha ameaça, o Capitão América convoca outros heróis para se dividirem e tentar deter os vilões em várias partes do planeta. Dessa forma, esse "Esquadrão Vitorioso" envia Ciclone para a América do Sul, Namor para a Ásia, Miss América para a África, Tocha Humana e Centelha para a América do Norte e ele mesmo com Bucky para a Europa.

Em cada um dos continentes, os heróis encontram o Homem do Futuro tentando utilizar uma espécie de ameaça diferente vinda da tecnologia futurista. No final, o grupo se encontra nos Estados Unidos, onde podem deter a Madame Morte e o Capitão consegue alterar a máquina do tempo do vilão para que, ao invés dele ir ao futuro, acabe retrocedendo ao passado e ser derrotado.

A+:


* O grupo conhecido como Esquadrão Vitorioso reunia os principais heróis da Timely (que viria a se tornar a Marvel, décadas depois). Na verdade, sequer poderia ser chamado de "grupo", sendo mais um encontro de personagens. E mesmo esses encontros foram muito poucos... dois apenas, sendo este o segundo. O nome dessa reunião (All-Winners Squad, no original) remetia ao nome da revista em que eram publicados, a All-Winners Comics, espécie de almanaque com a reunião histórias desses heróis, mas independentes de se encontrarem. A estrutura dessa aventura, por exemplo, mostrava várias histórias onde os heróis agiam separadamente, como se fosse uma aventura solo de cada um. A única ligação entre essas histórias são os mesmos vilões em cada uma delas, agindo em uma ordem cronológica conforme seus ataques.

Futuramente, no universo Marvel, seriam contadas histórias dessa reunião de heróis do passado, porém seriam lembrados com outro nome, Os Invasores.

* Houve uma confusão em relação a numeração da revista All-Winners Comics. Da edição de nº 19 ela pulou para a... 21! Na época, a pouca importância a continuidade das histórias era tamanha, que nem mesmo isso era levado tanto em consideração. Não que, na época, esse "detalhe" tivesse passado desapercebido, mas os colecionadores de hoje não tem um motivo oficial do porque isso aconteceu.

A versão mais aceita é de que a revista iria mudar de nome no número 20, mas isso acabou se tornando uma outra revista, chamada Young Allies (que teve numeração própria). Como o tropeço nesse planejamento já havia sido dado, decidiu-se continuar a revista como All-Winners Comics na edição 21, curiosamente seu último número.

* Assim como a cronologia Marvel não considerava Steve Rogers como sendo o Capitão América nesse período, aqui também temos um TERCEIRO Capitão América. O segundo, William Nasland, de acordo a cronologia do universo Marvel, foi morto ao salvar a vida do então desconhecido John F. Kennedy, quando esse iniciava sua carreira política. Portanto, quem assumia o uniforme de Capitão nessa edição era Jeff Mace, o homem que atuou como o herói Patriota até então.

* O escritor dessa saga, Otto Binder, é um dos principais escritores Capitão Marvel, que nada tem a ver com a futura editora/universo, mas trata-se do super-herói que usa a palavra mágica sHAZAM! Otto começou sua carreira como escritor de ficção científica. Assinou seu primeiro trabalho, aos 19 anos, como Eando Binder. Esse nome, aliás, é um jogo de letras devido a essa história ter sido escrita juntamente com seu irmão, Earl. Dessa forma temos E (de Earl) e O (de Otto). "E e O" em inglês escreve-se "E and O", o que explica o nome Eando, e mantém o "Binder" dos irmãos.

6 comentários:

Anônimo disse...

Olá!!

Vou te contar, achei a Miss América uma gracinha, ela tem esse visual tão....old-school? retro? (Se fosse mangá eu diria que o desenho ficou datado, às vezes é fácil reconhecer mais ou menos de que época é uma obra menos famosa, pelo traço. Mas eu estou me desviando...desculpa) E vai digitar 'Miss America' no google para ver só o que aparece primeiro, não é a personagem (é claro que eu adicionei marvel+personagem também né, senão eu estaria lá até agora procurando, afinal de contas vc nunca mencionou a garota e de repente ela surgiu do nada) Para variar a fonte foi o wikipedia se por acaso vc quiser dar uma olhada depois.
E já mataram o Nasland? Eu nem me adaptei à ele e ele já morreu???? E o Bucky dele (q eu não lembro o nome)? Ficou com o Capitão novo ou foi substituido também. Ou esse Jeff também já é um retcon como o William?
Ah se o Steve ainda estivesse 'acordado' eu shipava ele com a Madeline....

Na minha opinião o problema com a numeração da revista foi negligência mesmo.

E então já assistiu Os Vingadores???

Beijos
Jovie

Dark Marcos disse...

Jovie,
Se for procurar ESTA Miss America, adicione o nome Timely ao invés de Marvel. Vai ter resultados mais positivos, creio.

Apenas o Nasland foi morto. O Bucky dele (Fred Davis), continuou com o Jeff por um tempo.

E sim, assisti os Vingadores e acho que eu me torno suspeito por concordar com todo mundo que assistiu. Destaque mais do que especial para o Hulk/Bruce Banner. De fato, me surpreendeu positivamente.
(Vontade de assistir de novo)

Anônimo disse...

Oi, Marcos :)

Digitando 'Timely' no lugar de Marvel a primeira página que aparece é justamente a da wikipedia q eu comentei antes. LOL

Acho que todo mundo gostou de Bruce, e isso é legal pois quando Mark Ruffalo foi escolhido para o papel eu só li criticas a respeito; mas eu adoro ele - nem tanto pelas comédias românticas, mais pelos outros filmes - e defendia a escolha, agora eu já joguei na cara de todo mundo um "Eu avisei!!!"; [mas é eu morria de medo q no fim desse errado.]
Agora q vc já viu, posso comentar: como assim eles mataram o Coulson??? Quem deixou??? Tem uma cena extra q não passou nos cinemas aqui no Brasil, vc viu na internet? São todos eles comendo o shawarma que o Tony comentou. Apenas 30 segundos.

Beijos
J.

Dark Marcos disse...

Existe um BOATO de que o Coulson irá voltar como o vingador Visão. Além da aparência condizer, muitas pontas em sua morte realmente dão idéia de que ele voltará. Afinal, não está tão claro que ele realmente morreu. Sumiu muito rápido e sob as vistas do SUPERESPIÃO Nick Fury. Enfim...

Anônimo disse...

Ah sim eu li a respeito, mas não acredito não. Acho que é só o povo querendo trazer ele de volta.
E a cena extra, vc viu????????

bjos

Dark Marcos disse...

Sim. Vi a cena extra. Simples e engraçada.