sexta-feira, 24 de junho de 2011

LEGIÃO DOS SUPER-HERÓIS - Parte 411


 - Legion of Super-Heroes 89 e 90 (Fevereiro e Março de 1997)

Histórias:

* "She's Electric" - Escrita por Tom McCraw e Tom Peyer, desenhada por Jeffrey Moy, finalizada por Ron Boyd
* "Face to Face" - Escrita por Tom McCraw e Tom Peyer, desenhada por Lee Moder, finalizada por Ron Boyd



O fato de parte dos legionários estarem perdidos no século XX criou uma série de situações que renderam boas histórias. A impressão que se tem é que, apesar das tentativas de voltarem a sua própria época, estão tão cômodos que parecem estar se divertindo. Mas não é bem isso que acontece e o desespero por estar longe de casa começa a tomar conta da equipe.

Faísca condena o romance de Satúrnia e Cósmico, em parte defendendo seu irmão, Curto Circuito (que ficou no futuro), uma vez que esse realmente ama a legionária. O desabafo, no entanto, é reflexo da frustração de estar longe de sua época e da falta de expectativa de voltar. Magoada, ela se afasta do grupo e é resgatada pelo casal alvo de sua ira. Satúrnia, numa tentativa desesperada de detê-la com seus poderes mentais, acaba despertando um vilão que jazia preso em uma instituição psiquiátrica: Doutor Psycho, psicopata, inimigo da Mulher Maravilha, com poder mental altíssimo e capaz de enlouquecer suas vítimas com ilusões.

Como o centro do ataque do vilão está em Satúrnia (o psicopata escolhe belas mulheres como suas vítimas), os legionários o enfrentam no centro psiquiátrico. Mesmo invadindo a mente de Satúrnia, Doutor Psycho é rechaçado devido a defesa mental gravada em sua mente durante seu treinamento para a Polícia Científica.

Apesar de derrotarem o vilão, este revela que o amor que Satúrnia sente por Cósmico talvez não seje tão verdadeiro assim, sendo mais reflexo de seu desespero em voltar para sua época, uma forma de escapar da crise de incertezas que se agrava sobre o grupo. O casal, por sua vez, fica abalado com a revelação e se questiona se o que estão sentindo vai durar. De qualquer forma, o saldo da batalha é justamente um Cósmico desacordado.

A base de operações da Legião, aqui, é adaptada em uma caverna que já serviu de base para a Liga da Justiça. Ferro se encanta com o fato de estar em um local onde atuaram heróis de sua infância. E, apesar de estar acompanhando os legionários (desde a Noite Final), ele ainda não é exatamente um deles. Tanto que se evita falar do futuro para ele, para não causar nenhum choque ou mesmo mudar a linha temporal. Essa regra é quebrada por Faísca e é um dos motivos da explosão de frustração que já vinha se acumulando com a legionária.

Nenhum comentário: