sábado, 21 de maio de 2011

LEGIÃO DOS SUPER-HERÓIS - Parte 373

- Legion of Super-Heroes 77 (Fevereiro de 1996)

Histórias:

* "Lock Up" - Escrita por Tom McCraw e Tom Peyer, desenhada por Lee Moder, finalizada por Ron Boyd

Uma viagem pela complexa mente de Brainiac 5. Seu único superpoder é a incrível inteligência com a qual nasceu. E, acreditem, isso não é pouca coisa. Porém a criação e amadurecimento do herói lhe deu a característica arrogância e até mesmo o caráter anti-social que o tornam tão misterioso.

Preso em uma cela de Trakon-Galtos (devido a sua viagem no tempo, que era proibida no futuro), Brainiac 5 recebe a visita de uma telepata de Titan (da mesma raça que Satúrnia), que tenta entrar e entender detalhes de sua vida através de uma viagem a sua conturbada mente.

Descobre que, apesar de gênio, Brainiac 5 teve uma vida um tanto solitária, ocupando-se, desde a infância, com descobertas científicas que eram impulsionadas por sua voraz curiosidade. Desde criança, o herói tinha sede de conhecimento o suficiente para ignorar até mesmo a segurança envolvida em seus experimentos.

Mas também é revelado que o lado sentimental do personagem era eclipsado por seu comportamento introspectivo, até mesmo como uma forma de autodefesa. Essa defesa chegou perto do limite desde entrou para a Legião e sentiu, solitariamente, a inveja (do Rapaz Invisível, que criou os anéis de vôo), a paixão (secreta e platônica pela heroína Andrômeda) e a frustração (quando soube da morte de sua amada Andrômeda, sem poder revelar seus sentimentos).

A origem de sua impulsão em represar sentimentos, no entanto, estava no fato de sua mãe tê-lo abandonado no dia do seu nascimento, motivo pelo qual foi criado em internatos e laboratórios. Apesar de todo o conhecimento adquirido, a única e mais importante descoberta que a mente de Brainiac 5 não desvendou... era o rosto de sua mãe.

Nenhum comentário: