segunda-feira, 13 de setembro de 2010

LEGIÃO DOS SUPER-HERÓIS - Parte 183





- Crisis On Infinite Earths 9 a 12 (Dezembro de 1985 a Março de 1986)

> No Brasil, publicado no especial Crise Nas Infinitas Terras nº 2, pela editora Panini, em dezembro de 2003.
.
Histórias:
.
* "War zone" - Escrita por Marv Wolfman, desenhada por George Pérez

* "Death at the Dawn of Time" - Escrita por Marv Wolfman e George Pérez, desenhada por George Pérez

* "The Monitor Tapes" - Escrita por Marv Wolfman e George Pérez, desenhada por George Pérez

* "Aftershock" - Escrita por Marv Wolfman, desenhada por George Pérez

* "Final Crisis" - Escrita por Marv Wolfman, desenhada por George Pérez

CRISE NAS INFINITAS TERRAS (Parte 3)

O Multiverso foi destruído restando apenas UM universo. Melhor dizendo, onde haviam vários mundos paralelos, agora há apenas um misturando algumas características dos outros.

Na reta final da Crise Nas Infinitas Terras, a Legião dos Super-Heróis teve pouco destaque, para não se dizer que nem mesmo apareceram nos capítulos finais. Tavez isso se deva justamente ao fato de se unificar/colocar em ordem a mistura de espaço tempo que havia até então. Da mesma forma que agora há apenas uma Terra, um local, a saga também foi centralizada no que diz respeito ao tempo, ou seja, é focada mais no presente e nos personagens que nele estão, deixando fatos futuros (ou personagens futuros) no seu devido tempo.

A única excessão vem de um inimigo da Legião, Validus, que parece se destacar quando em suas curtas aparições. Mesmo calado (o vilão fala muito pouco, quando muito grunhe), sua presença chama a atenção talvez por seu visual incomum, sendo um gigantesco monstro com o cérebro exposto. Quem não estava habituado com as histórias da Legião, passou a ter curiosidade em conhecer esse personagem a partir de então.

Com a derrota do vilão (o Antimonitor), a editora DC Comics conseguiu colocar sua infinidade de personagens (e realidades) em ordem, tendo um novo ambiente para desenvolver as histórias de seus personages como se estivessem partindo do zero. Essa reformulação seria sentida nos próximos meses quando nomes de renome da indústria dos quadrinhos reapresentariam personagens clássicos (e outros um tanto obscuros) partindo do ponto de se REcontar suas origens.


Nenhum comentário: