terça-feira, 23 de março de 2010

LEGIÃO DOS SUPER-HERÓIS - Parte 73


- Adventure Comics 374 (Novembro de 1968)

Histórias:

* "Mission: Diabolical" - Escrita por Jim Shooter Mort Weisinger, desenhada por Win Mortimer e Jim Shooter

Leland McCauley

R. J. Brande, financiador do grupo Legão dos Super-Heróis, era conhecido como o homem mais rico do século XXX. No entanto... quem seria o SEGUNDO homem mais rico? Tal qual um Patocôncio, rival do Tio Patinhas no universo em quadrinhos da Disney, Brande tinha um "segundo da lista" que também o odiava por esta posição; Uma dor de cotovelo bilionária, diga-se de passagem. O "rival" em questão era Leland McCauley, que era mais conhecido por sua inveja do que por sua fortuna. Tanto que, nesta história, ele é usado (e acusado) como laranja dos problemas enfrentados pelos heróis.

Um a um, os legionários são sequestrados por uma organização terrorista liderada pelo misterioso Scorpion. Infiltrando-se no grupo, os legionários descobrem e enfrentam a gangue Taurus. Para ajudá-los o Chefe da Polícia Científica, Zoltorus, tenta colocar o milionário Leland McCauley na parede, uma vez que o próprio R. J. Brande anda sumido depois dos sequestros de legionários. McCauley, no entanto, desdenha do chefe de polícia que nem uma prova tem sobre seu envolvimento.

Graças a ajuda da Legião dos Heróis Substitutos e a infiltração de Sonhadora na Gangue Taurus, os legionários descobrem que Scorpius é na verdade... R.J. Brande???? Calma... a história tem um clima de desenho animado Scooby-Doo e o Brande em questão é apenas uma máscara para esconder a verdadeira identidade do vilão, que é ninguém menos que... Chefe Zoltorus???? Chega, né? Pois Zoltorus fingia ajudar os legionários e havia tomado o lugar de Brande, utilizando sua fortuna para formar seu grupo criminoso. E, de quebra, tentou incriminar McCauley para desviar a atenção.


Nenhum comentário: