segunda-feira, 22 de março de 2010

LEGIÃO DOS SUPER-HERÓIS - Parte 72


- Adventure Comics 373 (Outubro de 1968)

Histórias:

* "The Tornado Twins" - Escrita por Mort Weisinger, desenhada por Win Mortimer e Jim Shooter

Win Mortimer

Para quem conhece a famosa (e escrachada) série de TV dos anos 60, Batman (aquela com Adam West e Burt Ward, famosa por suas onomatopéias POW SOC BAM), lembra muito bem não só da música tema como também da abertura em tom de animação (ou desanimação) com a dupla dinâmica enfrentando uma variedade de vilões e criminosos. Reza a lenda que aquelas cenas foram inspiradas na arte de Win Mortimer. O desenhista, no entanto, ficou mais famoso por sua contribuição com as aventuras do Superman. Porém, como não poderia deixar de ser, também teve importante participação nas aventuras da Legião dos Super-Heróis, uma vez que o próprio grupo era uma espécie de sub-produto das histórias do homem de aço.

Nessa aventura, a Legião é humilhada por uma casal que aparenta ter superpoderes: os Gêmeos Tornado. Durante um certo período, toda e qualquer ameaça na Terra era resolvida pelos Gêmeos, que utilizavam de supervelocidade para resolver os problemas.

Surge um clima de "dor de cotovelo" dentre os legionários, que tentam descobrir, afinal de contas, qual é a dos Gêmeos. Além de se tornarem mais famosos que a Legião (consequentemente humilhando-os perante o público), a dupla recusava a participação dentro do grupo, preferindo agir sozinhos. Investigando sobre o passado dos dois, os legionários descobrem que eles são cidadãos comuns e não tinham superpoderes. Mas então... como conseguiam utilizar supervelocidade? E, pior de tudo (para os legionários), a inteção da dupla era realmente ajudar... já que a investigação sobre o passado tencionava descobrir algum podre sobre os dois.

Ao final da história, descobre-se que o casal era Don e Dawn Allen, descendentes diretos de Barry Allen, herói do "passado" conhecido como Flash (o velocista da Liga da Justiça). Seus poderes, identicos ao de seu antepassado, eram passageiros e por isso a "pressa" (literalmente) e a recusa em se tornarem legionários. Salvar o dia como faziam era uma forma de homenagear o herói da família.

A dupla seria reaproveitada em histórias futuras e ficariam conhecidos como os pais de outros dois heróis velocistas: XS, que integraria a Legião, e Impulso, garoto velocista que substituiria o lugar de parceiro mirim do Flash, conhecido como Kid Flash.


Nenhum comentário: