quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

LEGIÃO DOS SUPER-HERÓIS - Parte 14

- Adventure Comics 301 (Outubro de 1962)

Histórias:

* "The Origin Of Bouncing Boy" - Escrita por Jerry Siegel e desenhada por John Forte

Saltador.
Uma das tradições da Legião dos Super-Heróis nos quadrinhos era o dia de seleção de novos heróis para o grupo. Era um evento concorrido, meio que um "Ídolos" de super-heróis. E, assim como em concursos desse tipo, aparecia todo tipo de gente para se tornar uma celebridade (ou herói) imediata. Todo tipo, mesmo! Daqueles com os poderes mais absurdos (e inúteis) até os picaretas de plantão.

Por falar em poderes absurdos, a própria Legião tinha em suas fileiras um dos personagens com o poder mais incomum entre todos. O Saltador, como ficou sendo conhecido, simplesmente inflava o próprio corpo e quicava feito uma bola de borracha em cima dos inimigos. Por outro lado, o personagem foi criado dessa forma mesmo para servir de ponto de humor dentro da série. Talvez, por esse jeito descompromissado, tenha se tornado um dos mais interessantes heróis da Legião.

No dia da grande seleção de heróis, onde aparecem os mais diversas pessoas para concorrer a uma vaga (desde o riquinho que quer "comprar" uma vaga de herói até aquele que simula poder de controle do clima através de um aparelho) é contada, para os candidatos, a origem de um dos legionários e como ele entrou para o clube. Dessa vez, a origem apresentada é a do Saltador.

O jovem e atrapalhado Chuck Taine foi incumbido de levar uma fórmula super elástica mas resolveu dar uma paradinha em um jogo de batalha de robôs. Essas batalhas eram o esporte preferido de seu planeta e o estádio estava lotado. O clima também era quente e Chuck, assistindo a uma partida, pede um refrigerante. Empolgado com a luta entre os robôs, o jovem troca as garrafas e acaba bebendo a fórmula que levava. Como consequência, seu corpo infla até ele se tornar uma enorme bolota elástica que sai pulando e atrapalhando a partida.

Com esse novo poder, Chuck tenta uma vaga na Legião dos Super-Heróis que, obviamente, não o levam muito a sério. Entristecido, acaba esbarrando em um assalto onde o criminoso usa luvas elétricas que impedem que cheguem perto dele. Até mesmo os legionários Satúrnia e Cósmico acabam levando suas descargas elétricas e sendo afastados. Chuck infla seu corpo e salta sobre o criminoso, que não consegue desferir descargas elétricas nele, uma vez que, pulando como uma bola de borracha, ele não está aterrado ao solo. Graças a esse ato, o agora conhecido Saltador consegue uma vaga na Legião e torna-se um dos mais improváveis heróis do clube.

E os candidatos, por mais absurdos que possam parecer, elegem o Saltador como um ídolo. Afinal, se alguém como ele conseguiu...
*

Nenhum comentário: