segunda-feira, 12 de outubro de 2009

THOR - Parte 112

- Thor: Godstorm 1 a 3 (Novembro e Dezembro de 2001)

Histórias:

* "Godstorm" - Escrita por Kurt Busiek e desenhada por Steve Rude

* "Challenge of Torrent" - Escrita por Kurt Busiek e desenhada por Steve Rude

* "The Promise That Was Kept" - Escrita por Kurt Busiek e desenhada por Steve Rude

Tempestade Divina.

Este belo conto de Thor foi apresentado em uma minissérie em 3 capítulos. O talentoso escritor Kurt Busiek consegue um clima de ação e emoção no decorrer da história. Os desenhos de Steve Rude intencionalmente homenageiam a obra do desenhista Jack Kirby, criador do herói.

Mil anos no passado, dois garotos vikings escutam um misterioso ancião contar sobre a lenda de como Thor enfrentou a maior de todas as tormentas, a Tempestade Divina. Loki consegue convencer a mais violenta da tempestades de que Thor, conhecido como deus do trovão, a considera mero instrumento de suas intenções, escravizando-a como se fosse um animal irracional. Furiosa, a tempestade rebelasse contra Thor e tenta destruí-lo. O herói, que tentava invocar uma tempestade para ajudar uma esquadra viking, derrota a força da natureza e a condena a ficar aprisionada no fundo do oceano.

O curioso desse conto é que ele mostra aos garotos o futuro, onde Thor se uniu aos Vingadores na década de 60 e enfrentou um vilão conhecido como Torrente. Na verdade, tratava-se de um vilão medíocre que acaba ganhando os poderes da aprisionada Tempestade Divina.

Na terceira parte do conto, saltando mais ainda no futuro, vemos Thor na fase em que trocava de corpo com Jake Olson. Ele visita uma pequena cidade norueguesa, onde uma perfuração a procura de petróleo liberta acidentalmente a Tempestade Divina. Porém, Loki observa tudo e põe em prática a finalização de seu plano que foi arquitetado desde a primeira invocação da Tempestade. Roubando o poder dela, Loki se torna uma ameaça ainda maior (literalmente). Nessa situação, a Tempestade Divina percebe que nutriu um ódio equivocado contra Thor e que Loki não passa de um mentiroso manipulador.

Com excessão do segundo conto, a história se interliga através de uma lasca do martelo encantado de Thor, que é dada a um antepassado viking da aldeia dos garotos que ouvem a história, passando para o futuro, onde o descendente do mesmo guerreiro herda o talismã.

Uma emocionante e bela homenagem ao personagem, seus criadores originais e as fases pela qual passou nos quadrinhos.
*

Nenhum comentário: